Escritório Virtual

Escritório Virtual

Um Escritório Virtual é uma opção rápida e moderna para você que precisa de um endereço empresarial, mas que não necessita de uma sede física permanente. Com ele, você não precisa arcar com todos os custos de uma sede própria, como aluguel, luz, telefone, Internet, secretária, entre tantos outros.
Planos a partir de R$ 128,98 mensais.

Saiba aqui qual dos planos oferecidos é o ideal para sua empresa.

Saiba mais
Coworking BVC

Coworking BVC

Estações de trabalho compartilhadas em um espaço de coworking para fazer bons contatos e negócios com outros profissionais. Uma forma inteligente e econômica de ter seu espaço profissional.
Networking no endereço mais nobre de Porto Alegre. Veja aqui os planos disponíveis com e sem pacote de horas em salas individuais.

Saiba mais
Salas prontas

Salas prontas

A BVC Offices oferece salas prontas em um ambiente mobiliado e equipado, que proporciona praticidade, economia, produtividade e conforto a empresas de qualquer porte. Com a infraestrutura empresarial necessária a empresas de pequeno e médio porte.
Os escritórios estão prontos para locação, com uma linha telefônica exclusiva para divulgação e recepção compartilhada em horário comercial.Faça seu orçamento
Orçamento de acordo com as suas necessidade de número de pessoas,dimensão da sala e horas necessárias das salas de reuniões.

Saiba mais

Blog

A quem o escritório virtual atende?

O conceito de escritório virtual parece significar, para quem não conhece, que ele não existe fisicamente, mas não é assim que funciona.

Escritório virtual evita dores de cabeça

Você tem algum amigo que seja advogado? Provavelmente. Por isso, você deve saber que ele passa muito tempo nos fóruns e varas da Justiça, além de ficar boa parte tempo estudando e escrevendo suas petições, argumentos, defesas, etc.

As vantagens do Coworking para profissionais liberais

Embora profissionais liberais ainda tenham tendência a alugar uma sala e montar seu negócio em um espaço físico, cresce cada vez mais o número de advogados, engenheiros, profissionais de comunicação e TI, arquitetos, designers, entre muitos outros, que optaram por não ter um espaço exclusivo de atendimento e que não querem abrir a porta de casa para seus clientes, para não “misturar as estações”.